Concurso Receita Federal: 9 mil vagas solicitadas

Segundo informações do Sindicato Nacional dos Servidores Administrativos do Ministério da Fazenda (Sindfazenda), em reunião com dirigentes da entidade, no último dia 3 de maio, o coordenador-geral de Gestão de Pessoas da Receita Federal, Antonio Marcio Aguiar, afirmou que foi solicitada autorização de concurso público com nada menos que 9 mil vagas. Ainda de acordo com o sindicato, o concurso Receita Federal terá vagas para nível médio e superior.

Foram solicitadas 4 mil vagas de assistente técnico-administrativo (de nível médio, com remuneração inicial de R$3.756,82) e mil de analista técnico-administrativo (superior; R$4.969,02), para a área de apoio (inicialmente a informação era de 5 mil vagas para assistente), e 2.500 vagas de analista-tributário (superior; R$10.623,92) e 1.500 de auditor-fiscal (superior; R$18.754,20), para a atividade-fim. Ainda de acordo com o Sindfazenda, o coordenador acrescentou que a solicitação já encontra-se na Secretaria-Executiva do Ministério da Fazenda, para envio ao Ministério do Planejamento até o fim deste mês.

Para concorrer as vagas de nível médio, cargo de assistente técnico-administrativo, o interessado deverá ter nível médio completo. Já os cargos de analista e auditor, o interessado deverá ter nível superior em qualquer área. O regime estatutário, que garante estabilidade, e as remunerações informadas já incluem o auxílio-alimentação, de R$458, faz o concurso ainda mais atraente, com tendência a ser bastante concorrido. Para analista e auditor, os valores correspondem aos iniciais a partir de agosto, conforme acordo negociado com o governo federal.

Último Concurso Receita Federal

O último concurso realizado para área de apoio, função de assistente técnico-administrativo do Ministério da Fazenda aconteceu em 2014. Na época foram oferecidas 1.026 vagas, em que os inscritos foram avaliados por meio de provas objetivas, de Língua Portuguesa, Matemática e Raciocínio Lógico, Conhecimentos de Informática, Atualidades, Gestão de Pessoas e do Atendimento ao Público, Ética do Servidor na Administração Pública, Administração Pública Brasileira e Regime Jurídico dos Agentes Públicos. Foram 263.770 inscritos para as 1.026 vagas  oferecidas, representando uma média de 257 candidatos por vaga).

Para nível superior, cargo de auditor, o último certame também aconteceu 2014, com provas sobre Língua Portuguesa, Espanhol ou Inglês, Raciocínio Lógico-Quantitativo, Administração Geral e Pública, Direito Constitucional, Direito Administrativo, Direito Tributário, Auditoria, Contabilidade Geral e Avançada, Legislação Tributária e Comércio Internacional e Legislação Aduaneira. Em todo o país, houve 68.550 inscritos para 278 vagas (247 candidatos por vaga).

Por fim, cargo de analista, também com requisito de nível superior, o certame foi realizado em 2012. As questões foram sobre Língua Portuguesa, Espanhol ou Inglês, Raciocínio Lógico-Quantitativo, Direito Constitucional e Administrativo e Administração Geral, além de Direito Tributário, Contabilidade Geral, Legislação Tributária e Aduaneira (área Geral) ou Direito Tributário, Contabilidade Geral e Informática (área de Informática). Foram registrados 93.692 inscritos para 750 vagas (média de 125 por vaga).

Fonte

You May Also Like